comprar milhas

Qual a melhor maneira de comprar dólar para sua viagem para o exterior?

Compartilhe

Vai viajar para fora do país e quer saber como comprar dólar da maneira mais eficiente e segura?  Durante os tempos complicado na economia, o turismo é um dos segmentos que acaba sofrendo. Com o dólar controlando um grande volume de viagens, é muito importante fazer as decisões corretas na hora de planejar a sua. Com isso, surge o questionamento: Onde e qual a melhor forma de comprar dólar para viajar para o exterior?

Segundo o Banco Central os custos com viagens internacionais dos brasileiros foram de US$ 1,595 bilhão em novembro, valor do período mais alto desde o ano de 2014. No período de janeiro até novembro a soma desses custos foi de US$ 17,378 bilhões, 32,6% acima do mesmo período do ano de 2016.

Para Alexandre Fialho, diretor da Cotação da casa de câmbio do Grupo Rendimento, ano passado foi um momento de grande inconstância do dólar, ocasião que acabou amenizando a partir do mês de novembro, porém tem chance de crescer novamente em 2018, sobretudo por ser ano eleitoral.

Se você está organizando a sua viagem para o exterior e especialmente se não planejou com bastante antecedência, confira as principais dicas para comprar dólar.

Comprar dólar

Uma dica muito importante é não comprar de uma só vez todo o valor que você necessita. Se o dólar está volátil e tem chances de oscilar diariamente, escolha comprar dólar aos poucos até o dia de viajar, para conseguir um valor médio. Por exemplo, se estiver faltando um mês para o dia de seu embarque e você planejar levar US$ 5 mil, o ideal é comprar US$ 1,25 mil por semana. Assim, a média da taxa do dólar, durante essa ocasião, pode até não ser a melhor taxa, mas também não será a pior.

A moeda também tem variações para cada modalidade e a melhor opção é o dinheiro em vez do cartão de crédito, devido a taxa de IOF. Para conseguir escapar do Importo sobre Operações Financeiras, contudo, poderá ser lucrativo trocar uma quantia do dólar no exterior.

Cartão de crédito

Quando for fazer a escolha do tipo de pagamento (dinheiro, cartão pré-pago e cartão de crédito), deve-se escolher o dinheiro e o cartão pré-pago. Pois, com esses dois meios de pagamento o viajante consegue saber o valor dos custos da sua viagem, já que o fechamento do câmbio é realizado na hora da compra do dólar ou da carga do cartão. No caso do cartão de crédito, o cliente só sabe o valor do convertimento da taxa dos seus gastos, na hora que recebe a fatura de seu cartão.

Pesquisar antes de comprar

É recomendado ir em umas das casas de câmbio do destino, e consultar as regras de câmbio, taxas e checar se o país do seu destino troca o real brasileiro. Já que essa transação pode ser complicada caso o país que você vá seja fora da União Europeia, África do Sul e Estados Unidos.

Existem distinção nos valores exercitados pelas casas de câmbio. Portanto, vale a pena comparar não só as cotações como os pacotes de serviços oferecidos pela casa. Algumas casas de câmbio ofertam o serviço entrega do dinheiro a domicilio, possui a opção de compra por telefone e pela internet, o que torna a operação mais cômoda e segura.

E o que é mais importante é fazer uma boa pesquisa antes de comprar dólar. Primeiramente deve-se fazer uma cotação de dinheiro e cartões aqui no Brasil e após isso, avaliar se compensa trocar uma parte aqui e outra no local de sua viagem. E após essa avaliação, resolver o que é mais vantajoso de acordo com suas condições monetárias.

Agora que você já sabe como comprar dólar da forma mais segura e eficiente, planeje a sua viagem para o exterior! A P2P te oferece passagens com excelentes preços e também pode fazer a troca das suas milhas aéreas. Confira no site!