madagascar

Madagascar: um lugar único no continente africano

Compartilhe

Madagascar é muito mais que só um filme de animação. O país africano, que “sediou” o famoso filme, é uma ilha desprendida do continente. Entretanto, mesmo afastada, o local conta com fauna e flora únicas, além de um clima que varia entre tropical e semiárido, dependendo do dia ou da estação do ano. A “Ilha Vermelha” é um lugar inesquecível para quem o visita – e logo você saberá todos os motivos disso.

 

Colonizada pelos frances no final do século 19, Madagascar conta com duas línguas oficiais: o malgaxe, uma língua malaio-polinésia, e o francês, oriunda de seus colonizadores. Sua independência foi conquistada em 1960 e, desde então, suas peculiaridades foram buscadas por viajantes de todo o mundo, encantados com o local.

 

Saiba todos os detalhes de Madagascar nesse post que, assim como o rei Julian, te fará remexer muito. Só que, no seu caso, irá te remexer para pegar as malas em direção ao país!

 

Um lugar único: Madagascar e suas exclusividades

 

Quando dizemos que Madagascar é um lugar único, não é mera força de expressão. Para se ter uma ideia da sua característica própria, 90% de sua fauna não é encontrada em nenhum lugar do mundo. A sua vida selvagem, ameaçada pelo rápido crescimento da civilização, é um dos principais destaques da região.

 

Mesmo sendo uma ilha, suas regiões são bem diferentes, com florestas tropicais que tem grandes gigantescos rochedos negros e um terreno próximo a deserto, com árvores que se assemelham a cactos, no sul do país. A costa é rodeada por um mar azul, que varia entre a calmaria a falésias rochosas.

 

A época depende da zona a visitar. Devido ao calor e a chuva, que traz uma grande chance de tempestades tropicais, fevereiro a março não é a melhor das opções para a sua viagem para Madagascar. O sul da ilha chove com menos intensidade, com temperaturas agradáveis mesmo no inverno, que vai de abril a novembro.

madagascar

Preços e como chegar: dicas para sua viagem

 

Se você pensa em pegar um voo e ir direto à Madagascar, esqueça. Não existem voos direto para a ilha africana, somente saindo da África do Sul. A parada será na capital do país, que se chama Antananarivo. Os preços variam de acordo com a época do ano, podendo ser mais em conta fazer uma parada em Moçambique.

 

O país é muito simples, o que pode acabar barateando a sua viagem se você não for muito exigente. Restaurantes e hotéis terão preços que cabem no bolso de qualquer um, mas é preciso ter cuidado: a preocupação com a higiene deve ser redobrada, por ter constante risco de malária, dengue ou doenças intestinais na hora de se alimentar.

 

A moeda local é o ariary, que vale aproximadamente R$ 1000. Ou seja: além de tudo, o seu bolso terá uma grande valorização no que você for comprar. O que está esperando para se remexer da cadeira e preparar a passagem para Madagascar? Busque na P2P passagens baratas e aproveite todas as características do país africano.